Feira de Santana de Bicicleta

Posted by wille on qui 20 setembro 2012

Estou morando em Feira de Santana desde março de 2012 e aqui a bicicleta é meu principal meio de transporte. Inspirado nos relatos do blog Tração Animal e na semana do Dia Mundial sem Carro, resolvi escrever minhas impressões sobre o trânsito e as condições para o uso da bicicleta na cidade.

Ver Mapa Ampliado

Ciclovias

Feira de Santana tem apenas duas ciclovias (são essas linhas azuis tracejadas no mapa acima). Uma delas está localizada no canteiro central da Av. Presidente Dutra, a principal avenida da cidade, vai desde a BR-324 até o centro da cidade e tem cerca de 3,5 km. Um dos problemas dela é que o canteiro central é dividido em ciclovia e pista de cooper e existe pouca sinalização informando qual o lado dos pedestres e qual dos ciclistas. Não chega a ser um grande problema, pois a via não é largamente utilizada e os ciclistas não costumam transitar em alta velocidade, mas seria bom que melhorassem a sinalização para evitar acidentes. Uso bastante essa ciclovia e nunca tive nenhum incidente. As travessias das ruas que cruzam a ciclovia são seguros, pois existem semáforos e momentos em que nenhum carro cruza a ciclovia. O outro problema é a pavimentação do canteiro que está muito irregular, principalmente no trecho mais próximo ao centro da cidade. Além disso, os camarotes da micareta deixaram vários buracos abertos… Pra completar, nesses dias de campanha política, há plaquetas de políticos dos mais diversos partidos sobre a ciclovia!

A outra ciclovia é na Av. Fraga Maia, uma área residencial e longe do centro. Esta na verdade não sei nem se já pode ser considerada ciclovia, pois assim como na Presidente Dutra há duas vias no canteiro central, porém um dos lados do canteiro ainda não foi pavimentado. E não há nada indicando se o lado já pavimentado é ciclovia ou pista de cooper… Pedalando com cuidado, não há nenhum problema. Só passei por lá num domingo de manhã que saí pra pedalar. Pela localização, acho que é mais utilizado por corredores que por ciclistas. A extensão é de apenas 1,5 km.

A cidade é praticamente toda plana e a área mais central, contornada por um anel rodoviário que pode ser visto no mapa, tem cerca de 6 km de diâmetro. Com mais ciclovias e ciclofaixas, teríamos excelentes condições para que mais gente utilize a bicicleta como meio de transporte.

Meus deslocamentos

Na verdade, tenho pouca necessidade de deslocamento, pois trabalho em outra cidade e vou de carro com mais 3 colegas de trabalho. O lugar onde os encontro fica a cerca de 300 metros da minha casa, assim, vou andando até lá e na volta faço o mesmo. Os principais trajetos que faço de bicicleta são ir para a academia de natação e para o shopping. A academia está a 1 km da minha casa e o trajeto é por uma rua bem tranquila. Atravesso a Av. Presidente Dutra, porém num ponto onde tem semáforo.

Minha Dahon na volta do
supermercado

Já o shopping está a 3 km da minha casa e o trecho mais complicado é atravessar a Avenida Getúlio Vargas. Além de haver poucos semáforos, sempre tem um esperto atravessando no sinal vermelho… A Avenida João Durval, uma das quatro principais da cidade é bem tranquila para pedalar, em toda sua extensão. Lá no shopping há um bicicletário junto do estacionamento de motos. Apesar de não haver nenhum controle sobre quem entra e sai com bicicleta, creio que o segurança perceberia se alguém tentasse arrombar a trava da bicicleta. Prefiro ir ao supermercado lá do shopping por conta desse bicicletário. Sobre compras, uma dica: o Bompreço dá cerca de 0,8% de desconto pra quem faz compras com sacolas retornáveis! Vá de bicicleta e seja ainda mais ecológico!

As avenidas que, por segurança, eu evito andar de bicicleta são a Getúlio Vargas e a Maria Quitéria (principalmente no trecho que vai do cruzamento com a Getúlio Vargas até o encontro com a João Durval). Os ônibus não chegam a ser um problema, pois eles são raros em Feira de Santana...

Outros ciclistas

Vejo pouca gente utilizando a bicicleta como meio de transporte aqui, por outro lado à noite é comum ver grupos de ciclistas pedalando juntos, no entanto estes o fazem por esporte. Infelizmente, posso dizer que muita gente tem o péssimo hábito de pedalar na contramão, inclusive nas avenidas mais movimentadas. Um dia desses, quase colido com um… Na maior parte das vezes, não vejo nenhum motivo que justifique a contramão, é simplesmente preguiça de atravessar a avenida ou de pedalar alguns metros a mais…

Pedala em Feira de Santana? Deixe seu comentário! Gostaria muito de conhecer mais gente e organizar uma bicicletada aqui.



Comments !